4/02/2015

Treino, segunda avaliação, varicela e férias da Páscoa.

Primeiro a avaliação. Como as avaliações serão, nos primeiros tempos, feitas de mês a mês e comecei a dia 13 passaram apenas 20 dias mas a partir de agora passarão a ser feitas "como deve ser".

Estava em pânico. Por mim, porque sei que não andei a comer exemplarmente - nunca como pessimamente mas houve pão, sushi (muito) e podia ter sido  de facto melhor. Depois porque estou um bocadinho debaixo de olho e estava cheia de medo de falhar, do meu corpo não responder e de estar até mais flácida. Era quase impossível mas eram estes os meus medos.

Sei que nos treinos me esforcei e nunca disse que não a nada por isso fiquei muito feliz com os primeiros resultados.
Perdi 1,4kg que confesso não estar à espera.
O primeiro objectivo do João (PT) e da SportsLab era que a Massa Gorda ficasse abaixo dos 28% e ficou: 27,5%, o que significa que perdi 1,35% de massa gorda o que me parece impecável. Em relação às outras massas, aumentei a massa magra, ou seja músculo!

Quanto aos perímetros também foi bom. Estes 1 cms não são realmente contabilizados, nem para cima nem para baixo. Uma vez que pode até ser a fita métrica num sítio diferente ou inchaço de calor ou outro factor qualquer. Perdi 2 cm ao nível do umbigo e da cintura mas não retive os valores (depois peço e actualizo).
O balanço é muito positivo e sei que não vai ser sempre assim mas esta avaliação já ninguém ma tira.

Depois da avaliação, um treino super intenso e que me deixou absolutamente de rastos. As coisas estão a ficar mais sérias e mais puxadas e cada vez mais exigentes.
O meu filho, fechado em casa desde sábado por causa da varicela, não quis fazer a sesta e a culpa é minha. Nunca, mas nunca se gaba o sono de um filho e eu fi-lo aqui.
A minha filha, de férias da Páscoa também esteve na sala e fez o aquecimento comigo. E o cão, que não me obedecia e queria estar presente. Entre tempos, concentração obrigatória, esforço físico, filhos em cima de mim, filhos a querer atenção,  ao colo do João, a empurrar o João, a empurrar-me que não merecia tamanha maldade, bolachas torradas para entreter, migalhas nas mãos, água entornada no chão. Foi um fartote caótico mas que provou que sim, é possível treinar com os filhos em casa! E no final o prémio merece a pena!


Os melguinhas no final do treino
pesavam o dobro, não sei porquê

No comments:

Post a Comment