Mudanças

O blog ainda não tem 2 anos. Só faz 2 anos em Março e no entanto muito já aconteceu. Um livro. Uma filha. Só isso já dava para para parar por aqui.

O blog cresceu o que tinha que crescer. Se é que um blog cresce. Fui ganhando o meu espaço num "mercado" grande e com muitas bloggers que escrevem sobre maternidade. Sempre fui bem aceite e bem recebida e bem entendida e isso é o que me faz feliz.

Ter um blog implica dedicação e é um processo para quem não sabe um bocadinho ingrato por um simples motivo e que eu entendo perfeitamente mas que é uma equação simples. Quando um blog começa a crescer, as marcas interessam-se porque significa que as pessoas o lêem e por isso é um bom lugar para apostar e investir. Mas quando um blog aceita que invistam nele as pessoas não gostam e às vezes sentem-se defraudadas mas podem acreditar que 80% (não arrisco mais) das boas bloggers que conheço (e conheço muitas) só escrevem sobre o que usam, gostam, experimentam e acreditam. Mesmo a maior parte delas/de nós publicita marcas em que confia, usa nos seus filhos e nelas mesmas ou às vezes (e atire a primeira pedra quem nunca ajudou um amigo) porque são suas amigas e precisam de um empurrão para se lançarem. E isso é mau?

Acontece muitas vezes bloggers recusarem propostas que podiam ser a diferença entre ter dinheiro ao fim do mês e não ter. Acreditem, que sei. É um trabalho que exige tempo, investigação muitas vezes, exposição, investimento e muita dedicação.
Isto para dizer que são as pessoas que lêem os blogs que os tornam apetecíveis e isso é bom. Lá fora, é visto como um emprego como outro qualquer. A geração abaixo da nossa já quer ser blogger ou youtuber quando for grande e ser forem bons e genuínos e levarem dinheiro para casa, porque não?
Por isso acredito que seja uma questão de tempo até ser visto como normal e a publicidade nos blogs seja encarada como um post necessário e útil entre tantos outros.

O meu blog tinha a mesma imagem desde o início e na altura, quando começou, era um blog ligado ao exercício físico. O tempo foi passando e eu, erradamente deixei o exercício ou ainda não voltei - temos que ver o lado positivo -, tive mais uma filha e a imagem deixou de fazer tanto sentido.
Hoje o blog muda de imagem para aquilo que o representa. Escolhi a Just Mad para esta mudança e estou muito feliz com o resultado.
Queria um design mesmo pessoal e a Just Mad conseguiu-o. Aqueles, ali deitados de pés contra a parede somos mesmo nós. Parte do logótipo foi escrito pela Leonor e isso ficará para sempre. É a letra dela, do seu primeiro ano a escrever e adorou fazer parte de uma coisa da mãe apesar de não fazer ideia o que é um blog ou o instagram ou sequer um post, acreditam?

Está a minha cara, a nossa cara e aqui continuará tudo igual mas em mais bonito e mais ao nosso jeito.

É só uma pessoa por detrás desta empresa, um designer gráfico mas que chega e sobra (!) para o serviço. Maluco pelo design - daí o nome - e com um talento especial para o design por isso se procurarem alguma coisa fora da caixa para mudar o vosso espaço, já sabem: contem com ele.
A Just Mad é uma empresa focada no design, no lettering - vejam a página que tem coisas mesmo giras, no vídeo (muito à frente) e no branding.

Espero que gostem tanto como eu e que sintam este nosso espaço, cada vez mais vosso.

Um beijinho.
Maria Ana

Sigam-nos também no Instagram. 

Comments

  1. Parabéns pela nova imagem, simples mas repleta de significado. Um bloog inspirador e que apetece ler. Um beijinho e que venham muitos mais anos com muita escrita. Patrícia aka Mãe framboesa

    ReplyDelete

Post a Comment